Investigação na Área das Cefaleias

Têm sido realizados no Hospital da Luz Lisboa diversos estudos de investigação na área das cefaleias:

  • Late life Aura: Prospective Study

    Estudo nacional multicêntrico de doentes com aura, com ou sem enxaqueca, cujos primeiros sintomas tenham tido início após os 44 anos de idade.

    • Objetivo: Determinar se o fenómeno de aura que aparece pela primeira vez depois dos 44 anos de idade é o mesmo ou é diferente da aura que habitualmente surge até aos 20 a 30 anos.
    • Descrição: É realizada uma avaliação clínica no momento da consulta, com recolha de dados detalhados sobre a história clínica e o fenómeno de aura.
    • Duração: a decorrer

  • Disfunção do Lobo Frontal na Crise de Enxaqueca

    Estudo nacional multicêntrico que avalia as capacidades cognitivas durante uma crise de enxaqueca sem aura.

    • Objetivo: Determinar se as queixas cognitivas dos doentes durante uma crise se traduzem em alterações objetiváveis em testes e em ressonância magnética funcional.
    • Descrição: É realizada uma avaliação através de testes neuropsicológicos e de ressonância magnética funcional durante uma crise de enxaqueca e no estado normal (num outro momento que não seja de crise).
    • Duração: primeira fase concluída; prevê-se segunda fase no primeiro trimestre de 2015.

  • Incapacidade na Crise de Enxaqueca

    Estudo local em que são avaliadas as causas de incapacidade durante a crise de enxaqueca.

    • Objetivo: Determinar quais os sintomas da crise que determinam a incapacidade.
    • Descrição: Preenchimento de fichas com escalas analógicas de intensidade / incapacidade dos sintomas para cada crise de enxaqueca durante três meses (máximo dez fichas).
    • Duração: 3 anos a partir de Junho de 2011.
    • Concluído