Anemia da prematuridade

Nos prematuros a situação em que os níveis de glóbulos vermelhos são inferiores ao desejável designa-se anemia da prematuridade. Nestes bebés, a produção de glóbulos vermelhos pela medula óssea é inferior ao normal. Como os glóbulos vermelhos vivem apenas alguns dias, a sua destruição não é acompanhada por uma produção adequada pela medula para que se mantenham os valores normais.

Também podem contribuir para o aparecimento desta anemia o crescimento rápido do recém-nascido, com aumento da volémia, e a necessidade de colher sangue para análises quando o bebé se encontra doente. Existem ainda outras situações que podem provocar anemia, entre as quais se encontram a perda de sangue durante o parto e doenças que se acompanham de um aumento de destruição de glóbulos vermelhos.