Voltar

Conjuntivite no recém-nascido

A conjuntivite do recém-nascido caracteriza-se por um edema das pálpebras, especialmente da pálpebra superior e pela presença de uma secreção amarelada, mais frequente no canto interno dos olhos.

Quando a conjuntivite surge nas primeiras 12 a 48 de vida e se mantém apenas até às 24 a 48 horas, resulta normalmente de uma irritação química e não requer qualquer tratamento.

Se a conjuntivite se mantiver durante mais tempo, o bebé deve ser observado pelo pediatra pois pode tratar-se de uma infeção com necessidade de tratamento específico.

Dado que as conjuntivites são muito comuns nos bebés, é importante que os olhos sejam mantidos bem limpos, usando para tal uma compressa embebida em soro fisiológico, passada num movimento de fora para dentro uma única vez.