Voltar

Insuficiência renal crónica

Os rins desempenham diversas funções, entre as quais eliminar através da urina produtos tóxicos e água em excesso presente no organismo. A insuficiência renal crónica é uma doença irreversível, em que os rins deixam de realizar as suas funções de forma satisfatória. Por isso, acumulam-se no organismo substâncias tóxicas (por exemplo, ureia, creatinina, potássio, sódio), que podem colocar a vida em risco.

Causas

Muitas vezes não é possível determinar a causa exata de uma insuficiência renal crónica. No entanto, é conhecido que a hipertensão arterial, a diabetes, a ingestão excessiva de medicamentos, algumas doenças hereditárias ou congénitas e as infeções renais podem estar na origem de uma insuficiência renal.

Sintomas

A evolução da insuficiência renal crónica pode ser muito lenta, pode mesmo demorar vários anos. Assim, os primeiros sinais podem ser muito ligeiros. Posteriormente, com a evolução da doença podem manifestar-se os seguintes sintomas:

  • Falta de ar;
  • Diminuição da produção de urina;
  • Inchaço da face, mãos e pés;
  • Dificuldade em dormir;
  • Hipertensão arterial;
  • Náuseas e vómitos;
  • Fadiga e sensação de frio.

Tratamento

Nas fases iniciais da insuficiência renal crónica, o tratamento consiste em tentar retardar a evolução da doença através de medicamentos e dietas especiais. No entanto, mais tarde, será necessário outro tratamento que consiga substituir mais eficazmente a função renal. Existem quatro tratamentos possíveis:

  • Hemodiálise
  • Diálise peritoneal
  • Transplantação renal
  • Tratamento conservador

 

Conheça os médicos especialistas em nefrologia desta unidade da rede Hospital da Luz.