Voltar

Coloproctologia

A coloproctologia é a área que se dedica ao acompanhamento dos doentes com distúrbios funcionais coloproctológicos, com ou sem patologia orgânica associada, nomeadamente:

  • Incontinência fecal;
  • Obstipação crónica;
  • Distúrbios da defecação;
  • Doença inflamatória intestinal;
  • Prolapso rectal;
  • Síndrome da úlcera solitária do recto;
  • Rectocelo;
  • Fissura anal;
  • Proctalgia;
  • Prurido;
  • Doenças neurológicas, metabólicas ou endócrinas com perturbações anorectais;
  • Malformações congénitas;
  • Cirurgia ou traumatismo anorectal e obstétrico.

Numa consulta de coloproctologia, a avaliação do doente pode compreender três vertentes:

  • História clínica detalhada, com especial enfoque no sistema gastrointestinal, e exame objetivo com possibilidade de realização de retosigmoidoscopia rígida;
  • Exame de avaliação funcional (manometria anoretal);
  • Exame de avaliação anatómica (ecografia endoanal).

Esta consulta dá maior ênfase à patologia do pavimento pélvico, direcionada sobretudo para a patologia anoretal e incontinência fecal (IF).

A incontinência fecal e outros distúrbios da defecação podem ser vistos como importantes condições de incapacidade para o doente, cuja abordagem tem sido dificultada pelo preconceito e restrição social perante o tema.