Médica do Hospital da Luz explica prevenção do cancro do colo do útero

Virgínia Monteiro, coordenadora da Unidade de Colposcopia-Laser do Departamento de Ginecologia-Obstetrícia do Hospital da Luz Lisboa, esteve no programa ‘Edição da Manhã’ da SIC Notícias, a 23 de janeiro, a explicar a incidência do cancro do colo do útero e os meios disponíveis de prevenção. A participação da médica, que é também presidente da Sociedade Portuguesa de Colposcopia, surgiu a propósito da 10.ª Semana Europeia do Cancro do Colo do Útero que está a ser assinalada por instituições de toda a Europa.

Todos os anos surgem em Portugal, em média, cerca de mil novos casos de cancro do colo do útero, que é provocado pelo Vírus do Papiloma Humano (HPV), o qual se transmite por via sexual. «É a segunda causa de morte em mulheres em idade fértil, ou seja, entre os 15 e os 44 anos», salientou Virgínia Monteiro, explicando que «existem mais de 120 tipos diferentes de HPV e 14 são de alto risco, ou seja, podem causar cancro do colo do útero».

«As duas armas» que temos para prevenir este tipo de cancro são o rastreio primário e a vacina contra o vírus, que integra o Plano Nacional de Vacinação para as meninas entre os 9 e os 14 anos, «mas que pode ser administrada em qualquer idade». Virgínia Monteiro lembrou ainda que «o grande problema desta doença é ser silenciosa, no início». E é bom não esquecer que «80% das mulheres que têm vida sexual ativa podem ter o vírus» e saí que a prevenção seja fundamental.

Veja a intervenção de Virgínia Monteiro na SIC Notícias