Transmissão direta de cirurgia ginecológica laparoscópica

No dia 10 de Janeiro, foi transmitida em direto, a partir do Bloco Operatório do Hospital da Luz e através do site da AAGL - American Association of Gynecologic Laparoscopists, uma cirurgia ginecológica laparoscópica, realizada pelo Dr. António Setúbal, Coordenador do Departamento de Ginecologia-Obstetrícia.

Esta transmissão, realizada pela primeira vez a partir de Portugal e com uma duração superior a uma hora, foi visualizada em todo o mundo e teve como objetivos principais contribuir para a formação de médicos em cirurgia laparoscópica e permitir a troca de experiências e opiniões entre cirurgiões sénior.

O convite para a realização deste evento, endereçado pela AAGL ao Dr. António Setúbal, muito honrou o Hospital da Luz, colocando-o, mais uma vez, entre os melhores.

Atualmente, a maioria das intervenções cirúrgicas das áreas da Ginecologia e da Cirurgia Geral pode ser realizada por laparoscopia. Esta abordagem cirúrgica minimamente invasiva, que usa apenas alguns orifícios, com 5 a 10 mm, para acesso dos instrumentos cirúrgicos à cavidade abdominal, evita a realização de uma incisão (como na cirurgia por via aberta ou tradicional), com vantagens reconhecidas para os doentes:

  • Menos dor no pós-operatório
  • Resposta imunitária mais forte
  • Recuperação geral mais rápida
  • Regresso mais rápido à atividade profissional
  • Menor incidência de infeções
  • Menor incidência de hérnias incisionais
  • Cicatrizes operatórias pouco visíveis