Nova consulta de risco familiar de cancro digestivo

Nova consulta de risco familiar de cancro digestivo

No Hospital da Luz Clínica do Porto tem uma nova Consulta de Risco Familiar de Cancro Digestivo, da responsabilidade da Gastrenterologia.

Cerca de 5-10% de todos os cancros estão associados a síndromes hereditários. A identificação destes casos tem um benefício comprovado no próprio indivíduo e nos seus familiares. Deve-se suspeitar de cancro hereditário quando existe história de cancro em vários membros da família, aparecimento de cancro em idades jovens ou tumores múltiplos num mesmo indivíduo.

O cancro coloretal (CCR) é uma das mais importantes causas de morte a nível mundial e o segundo cancro mais comum a seguir ao cancro na mama da mulher e ao cancro da próstata no homem. Em Portugal, o CCR tem uma incidência de 30 em 100 mil habitantes, sendo a segunda causa de morte relacionada com cancro. Os fatores associados ao aparecimento de cancro colorretal são multifatoriais, sendo os mais importantes o ambiente e a herança familiar. Cerca de 20 a 30% de todos os CCR estão associados a um padrão familiar, sendo que 5 a 10% têm um perfil hereditário havendo, nestes casos, uma transmissão estabelecida da doença na família.

A abordagem clínica destes indivíduos deve ser diferente da população em geral. Deve ser avaliada a possibilidade de se tratar de uma doença genética, ser efetuada uma definição individualizada do risco de cancro e iniciada uma estratégia de vigilância, habitualmente mais precoce e com intervalos devidamente adaptados. Esta avaliação constitui uma importante oportunidade para a identificação atempada de lesões mais precoces e de mais fácil tratamento no próprio e, se aplicável, nos seus familiares.

Também os indivíduos com história pessoal ou familiar de pólipos do cólon devem ser cuidadosamente avaliados por se tratarem, na sua maioria, de lesões precursoras de cancro colorretal e implicarem um risco aumentado para o aparecimento deste tipo de tumores.

No cancro gástrico existe associação familiar que pode conferir um risco aumentado para este tipo de tumor. O cancro gástrico é a quinta causa de morte por cancro a nível mundial, apresentando uma elevada incidência em Portugal. Em cerca de 1-3 % de todos os casos, existe um padrão de herança familiar identificado e, tal como no CCR, estes indivíduos devem merecer uma atenção especial.

A consulta de risco familiar de cancro digestivo, tem como objetivo a identificação, orientação e definição de planos de vigilância e/ou tratamento de todos os indivíduos que apresentam história familiar deste tipo de tumores.

Para marcar online esta consulta na deverá escolher a especialidade de Gastrenterologia / Dra. Catarina Brandão.

Para mais informações contacte o Hospital da Luz Clínica do Porto através do número 226 150 600.